14 de março de 2013

Leio ou não?: Garotas de Vidro - Laurie Halse Anderson



Autor: Laurie Halse Anderson
Editora: Novo Conceito
Gênero: Ficção - Drama
Páginas: 272 páginas
Nota: ✰✰✰✰


Todo mundo já escondeu um segredo, o qual, somente nós mesmos sabíamos. Lia, a personagem criada pela autora, narra a parte mais trágica, intoxicante, dramática e cheia de dor da sua vida neste conto. Após a separação dos pais e da volta dela da "prisão", como ela diz, Lia se depara com uma notícia aterrorizante que a deixa sem saber como agir, sem saber se acredita na realidade ou nos fantasmas que a circundam. Obcecada pela magreza, juntamente com Cassie, sua melhor amiga, elas fazem um pacto em que prometem ser as mais magras e desde então seguem a risca a promessa. Cassie reduz a alimentação mas não deixa de se empanturrar, o modo dela perder tudo o que adquiria era vomitando. Já Lia, contava calorias, e adquiria o mínimo possível de alimentos. Após receber a notícia de que Cassie havia sido encontrada morta em um motel, sua vida muda completamente. "... corpo encontrado em um quarto de motel, sozinho..." "1. 2. 3. 4. 5. 6. 7. 8. 9. 10. 11. 12. 13. 14. 15. 16. 18. 19. 20. 21. 22. 23. 24. 25. 26. 27. 28. 29. 30. 31. 32. 33.", "33 ligações", são essas as frases que rondam a cabeça de Lia toda vez que pensa em Cassie.  E tudo volta, o estágio de grande perigo para Lia está de volta. Ela se sente culpada pela morte da amiga e do seu complexo com o espelho, Lia, finge estar tudo bem para o mundo e mente que come, enquanto vive de mentiras para chegar num único objetivo, ser horrivelmente magra. Sua mãe Dra. Marrigan faz de tudo para que a garota enxergue seu verdadeiro eu, tanto que a faz frequentar uma psicóloga/psiquiatra e quer que volte para a clinica psiquiatra prisão. A história de Laurie aborda de modo realista a dura e dolorosa condição de jovens que sofrem de transtornos alimentares, auto-mutilação, bulimia e sua complicada relação com o espelho e consigo mesmos. Garotas de Vidro foi o livro que acabei afirmando à mim mesma que caiu em minhas mãos por destino. É o livro, o qual me identifiquei do início ao fim.Vocês devem achar loucura, mas sim, é o que estão pensando, ainda passo passei por isso! Laurie Halse Anderson soube descrever o que muitas garotas sentem ou sentiram com clareza. Foi um dos melhores e mais tensos livros que li. A linguagem é ótima e sem complicações, todo narrado em primeira pessoa.



Sinopse (via Saraiva):


Lia e Cassie são amigas há anos, ambas congeladas em seus corpos. No entanto, em uma manhã, Lia acorda com a notícia de que Cassie está morta, e as circunstâncias de sua morte ainda são um mistério. Não bastasse isso, Cassie tentara falar com Lia momentos antes, para pedir ajuda.

Trecho do livro:

"Então ela me conta tudo, as palavras cuspidas com as migalhas de muffin de frutas vermelhas, as vírgulas mergulhadas em seu café.

Ela diz quatro frases. Não cinco.

Eu não posso me permitir ouvir isso, mas é tarde demais. Os fatos chegam de mansinho para me apunhalar. Quando ela chega à pior parte

... corpo encontrado em um quarto de motel, sozinho...

... as paredes ficam mais altas e minhas portas se trancam todas. Eu faço que sim com a cabeça como se estivesse ouvindo, como se a gente estivesse se comunicando, e ela nunca vai perceber a diferença.

Não é legal quando uma garota morre."

6 comentários:

  1. Fiquei super curiosa! Adorei a dica :)

    Beijos
    http://coffeewithtati.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Adorei a resenha , vc escreve muito bem ^^
    estou seguindo seu blog pode retribuir ? :*
    beijos
    http://leehlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oi flor te indiquei pra uma tag lá no meu blog
    beijos
    http://mlleglamour.blogspot.com.br/2013/03/tag.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ok, irei responder assim que achar tempo. Muito obrigada fofa *-*

      Excluir

Seja mais do que bem-vindo!

Não esqueça de voltar.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...