27 de março de 2015

Papo Sério: O medo de errar


Está na hora de resgatar e idolatrar o clichê dito pela boca do mundo: errar é humano. 

Lá estava eu no treino de Patinação Artística e me veio em mente a questão: "por que tenho tanto medo de errar?", eu continuava na mesma todas as aulas, treinando tudo o que eu já sabia (não que isso não seja bom, aperfeiçoa, claro). Porém, vi que só melhorar o que já sei não adiantaria muito e uma hora eu teria que aprender as manobras que, na minha cabeça, eu não conseguiria na primeira tentativa. Sim, está aí o fato principal: meu medo não era exatamente o de realizar, mas sim, o de falhar. 

Sentir insegurança quando há questões novas é normal, todo mundo sempre costuma ter, e até certo ponto é bom. Com essa "pulguinha atrás da orelha", esse medo insistente faz com que ao nos aproximarmos de certas ocasiões e fatos ocorrentes, paremos para pensar e avaliar o que fazer ou quando. Mas sabia que essa "vaidadezinha besta" em excesso pode prejudicar seu desenvolvimento pessoal? Pois é.

A insegurança e o medo de errar só se tornam prejudiciais quando são de forma extrema, a partir do momento em que a pessoa deixa de agir por causa das consequências que podem surgir. Digamos que no fundo, criamos um "papel ideal" para nossa vida e que consciente e inconscientemente acabamos por seguir a todo custo esse padrão imposto por nós mesmos: "errar é feio, não posso errar pois meu padrão não condiz com esse defeito".

Para tudo! Erros não são defeitos, são deslizes e deslizes às vezes nos pegam de surpresa. Qualquer pessoa vai errar, é inevitável, é humano. Parei para raciocinar bastante sobre o meu incessante medo de fazer feio, de não conseguir mérito logo de início no que eu gostava... mas descobri que exatamente o fato de não tentar é que me fazia ser a "fracassada". 

Não deixe que o medo vença suas vontades, não deixe que esse ponto de interrogação sobre o que fazer te impeça de agir. Quantas vezes você já se arrependeu de algo que não fez por ter pensado demais em algum erro que poderia acontecer? Eu parei para pensar e me corrigir, está na hora de viver sem ter que me preocupar em fazer feio aos olhares alheios. 

Para acertar um dia, não é necessário errar. Porém o erro te faz mais esperta e mostra que, na verdade, sua primeira tentativa não é a certa encontrando caminhos mais curtos para chegar ao mérito. Se reter com medo do erro é deixar de ser vitorioso só por não tentar. 

2 comentários:

  1. É como diz aquele ditado errar é humano, o importante é que a gente aprenda com esse erro para não repeti-lo futuramente.

    http://www.eriikaleao.com.br/

    ResponderExcluir

Seja mais do que bem-vindo!

Não esqueça de voltar.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...