31 de julho de 2015

Esperei você no luar de ontem

Ontem a noite o universo me chamou para conversar, o clima estava ameno e o céu completamente iluminado pelas estrelas acompanharam nosso mudo diálogo. Escrevi nas linhas invisíveis dos corpos celestes com a ponta do dedo indicador palavras trancafiadas pelo tempo. O céu pareceu compreender e de um misto de cores quentes em poucos segundos transformou-se nos típicos tons azulados, recebi minha primeira resposta do universo numa pintura de aquarela espetacular. Fechei meus olhos e respirei fundo a brisa da escuridão, o vento leve fez com que eu puxasse as mangas por cima das mãos e abraçasse meu próprio corpo. Lá, sentada naquele telhado desgastado pela chuva eu pensei em você. 

Não sei por quais motivos minha cabeça costuma me levar à lugares distintos ou  me fazer lembrar de pessoas que, talvez, tenha visto somente numa tarde de sol num lugar qualquer e trocado um olhar ou um sorriso. De qualquer forma, nesse meu jeito inusitado de ser, o brilho lunar me lembrou você. E eu gritei com as cordas vocais do meu silêncio para a lua o quanto queria teu corpo ali ao meu lado a observá-la. Um instante depois uma massa de água condensada interviu dividindo-a ao meio por alguns segundos e soube que minha resposta era exatamente que aquele satélite natural também se sentia um pouco só.   

Olhei ao redor e me deparei com a paisagem escurecida, as árvores antes coloridas eram cobertas pela ausência da luz e seu contorno diante o céu contrastava o azul escuro. O mundo é realmente tão bonito e eu ainda precisando do seu sorriso meio torto brilhando como as estrelas no escuro. É final de agosto e só esse mês tivemos duas vezes uma lua cheia desfilando no clarão da noite por aqui. Dizem por aí que essa é a lua azul, mas creio que de azul só exista o pequeno constraste dos fótons do céu dessa noite com os raios solares do outro lado do planeta. Eu diria que ver a lua cheia é uma coisa normal, mas esqueci de avisar que por algum motivo ela me lembra você. Então, seria inevitável não lembrar do teu sorriso espontâneo e dessa voz que mexe com meus sentidos pelo menos uma vez no mês, mas agosto foi sacana comigo e trouxe um luar completo duas vezes. 

Eu esperei você no luar de ontem, mas você não veio aquecer minhas mãos geladas. Esperei seu jeitinho cafona de se portar e esse seu embaraço nas pernas ao caminhar chegar na rua da frente. O luar foi meu, só meu e das mariposas em cima do meu telhado velho. Não subestime o perigo que pode ser apreciar o céu em cima de um telhado mais para lá do que para cá, algumas vezes vale a pena se arriscar um pouco. A lua entrará em novas fases e ao se encher novamente eu estarei esperando por você no mesmo lugar do universo, trocando mais conversas mudas com a lua e traços tênues de palavras com as constelações. 

4 comentários:

  1. Já disse que amo seus textos né? Costumo pensar que as fases da lua são como um tiquinho da nossa vida, uma hora é nova e em outras só cheia mesmo, mas todas com sua beleza. "A lua entrará em novas fases e ao se encher novamente eu estarei esperando por você no mesmo lugar do universo e trocando mais conversas mudas com a lua e traços tênues de palavras com as constelações." ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Siiim, é muito gratificante saber disso Kelly ♥
      Somos todos um pouco parecidos com a lua!

      Excluir
  2. Eu li o texto e logo depois, vi a última foto que você postou no Insta. Algo haver? haha
    Eu sempre fui uma louca que conversava com a lua. E minhas conversas eram com voz mesmo, e eu ficava do lado de cá imaginando as respostas dela. Quase sempre eram as respostas que eu queria que alguém me dissesse. Não sei se era solidão, mas teve vezes de acordar de madrugada e ir pro quintal batendo aquele papo estranho. Mas eu continuo com um carinho especial pela Lua. Minha amiga de sempre, fiel de todos anos.

    Beijos, Sel | Quinta Gaveta ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tudo a ver! hahaha
      Também sou dessas de conversar com a lua, nada melhor do que tirar um tempinho para ter conversas consigo mesmo ♥

      Excluir

Seja mais do que bem-vindo!

Não esqueça de voltar.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...