7 de janeiro de 2016

10 coisas que todo leitor entende

Hoje é dia do leitor e eu não poderia deixar de comemorar aqui no blog. Hoje é o nosso dia, o dia daqueles que tem um paginômetro, uma conta no skoob, uma lista de leituras, uma biblioteca em construção e principalmente: um coração que abriga muitos personagens. Esses somos nós, leitores, tão cheios de manias, tão abertos à cultura, tão amantes da leitura. E é claro, que para comemorar vale lembrar aquelas manias que passam despercebidas e muitas vezes fazemos sem pensar. Então, tenham um feliz dia do leitor cheio de livros, leituras e manias de leitor incrível.

1. Cheiro de livros novos é melhor que qualquer perfume.
Você pode amar aquele perfume de todos os dias, gastar pouquíssimo só no pulso para não ir tão rápido o frasco inteiro, mas você sabe que o cheiro de um livro recém comprado no folhear das páginas ainda novinhas e tão unidas supera de longe o cheiro da sua fragrância preferida. Cheirar livros parece uma mania estranha, mas é impossível resistir àquele aroma gostoso.

2. O fim de um livro incrível nos deixa sem saber que rumo tomar.
Quando lemos aquele livro especial que nos tocou no mais interior e nos prendeu em cada nova página, cada novo capítulo, enfim. É como dizer adeus ao amor da sua vida, até porque a leitura acaba ocupando um espacinho dentro da gente, um lugarzinho dela e do nada ela acaba, vai embora e te deixa com aquele sentimento de "quero mais" ou "porque tão rápido?". Pois é, livros tem seus males também e mesmo assim ficam para sempre nos nossos corações.

3. Ganhar livros de presente é a melhor sensação do mundo.
Em amigo secreto, de aniversário, no Natal, no Ano Novo, Ação de Graças, Halloween, Dia de São Judas, Festa da Cidade, Casamento do Tio... não tem data, queremos livros sempre. E quando nosso pedido mudo é atendido nos faz sorrir como bobos. Ter aquela sensação de desejo cumprido, de amor a primeira vista, de vida nova. Livros e mais livros, porque todo mundo deveria presentear livros.
4. Os presentes para os mais próximos com certeza serão livros.
Falando em presentear, nada mais óbvio do que leitores presentearem com livros. Sabe, todo leitor pensa em passar na livraria procurar um livro que seja a cara do sortudo que vai ganhar o presente e aproveitar para pegar só mais um exemplar que estava na lista dos "quero ler", não custa não é? Já estamos na livraria mesmo.

5. O temível ciúme de emprestar livros.
Se tem um sentimento que o leitor evita, é o ciúmes. Não digo que evita pelo fato de ser um sentimento bobo, mas evita ao ponto de suspender os acontecimentos que lhe geram eles como o de emprestar livros. Emprestar nossos livros é como dar o coração na mão de outra pessoa que pode rasgar, rasurar, sujar e todos os verbos horríveis que nos assustam. Ai ai, ciúmes ciúmes.

6. Na sua bolsa pode faltar tudo, menos um livro.
Seja bolsa, mochila ou até na mão mesmo, a gente esquece a chave, mas o livro jamais. Ué, por que será? Como sobreviveríamos ao pegar um ônibus ou metrô sem ter um companheiro para ler? Pior ainda seria esperar na estação sem um amiguinho fazendo companhia? Como seria a vida sem ocupar nosso tempo com algo tão gostoso de se fazer? Pois é, livros sempre presente.
7. Os personagens começam a parecer reais.
Quando nossos amigos nos olham com uma cara estranha e começam a perguntar quem era o fulano que estávamos comentado no dia anterior e respondemos que era só um personagem do último livro que lemos e eles reviram os olhos e balançam a cabeça sem entender. Pois é, não é raro passar por isso. Não é mesmo?

8. As listas de leitura nunca terminam.
Sempre tem algo para ler, nunca param as listas. Vamos adicionando cada vez mais livros as intermináveis e confusas listas de leitura, é impossível parar. Ainda mais quando há novos lançamentos incríveis das editoras e o olho cresce, a vontade aumenta e precisamos correr para a livraria tê-los em mãos ou esperar aquela promoção inesperada nas lojas virtuais.

9. Uma livraria ou biblioteca são sinônimos de paraíso.
Entrar numa livraria ou em uma biblioteca é sentir-se no paraíso, não tem como não sentir o clima espetacular que vem das estantes cheias de livros, dos lançamentos que tanto queremos, do cheiro de tantos livros novos, enfim. É impossível não se sentir no paraíso dentro de uma biblioteca ou livraria.

10. O tempo voa quando se lê e a noite não existe.
O tempo costuma não passar normalmente, mas quando estamos lendo parece que ele voa. Costumamos ler e não ver as horas correrem e isso passa para o turno da noite e vamos pensando "só mais um capítulo" e no fim, lemos o livro todo, a noite chegou e foi embora e o livro continuou roubando nosso coração durante o dia e a noite. Benditos livros que ocupam nossa insônia e preenchem nosso tempo.

4 comentários:

  1. Nossa, pura verdade! Não tem nada melhor do que aquele cheirinho maravilhoso de livros novos, ou então ganhar um livro, melhor presente que alguém poderia me dar <3
    Amei seu post, e também seu blog! <3
    beijus!
    http://efeitodiamante.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cheiro de livros (novos ou velhos) é o melhor cheiro do mundo! ♥
      Que bom que gostou flor! ♥

      Excluir
  2. Só li verdades hahaha Sempre que eu saio de casa, não importa para onde vou, eu levo um livro, vai que tem um tempinho livre para ler, né?! E eu adoro ler de madrugada, melhor coisa ♥ Sempre que me perguntam o que eu quero ganhar, a resposta é obvia... Amei o post!

    Beijos
    Meu Conto de Fada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Podemos esquecer o celular, a identidade, a carteira, mas o livro do momento não né? hahahaha ♥

      Excluir

Seja mais do que bem-vindo!

Não esqueça de voltar.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...